I.AInternetLinkedinOpnião

De repente 30 e poucos anos. Long Time Ago!

O tempo passa tão rápido que às vezes penso como cheguei até aqui, antes meu relógio demorava mais tempo para anunciar o ano novo ou o natal e as estações do ano eram mais fáceis de identificar.

Como nasci na década de 80 sou conhecido como geração Y ou geração do milênio ou geração da Internet, isso significa que tudo aconteceu na nossa época e talvez por isso a minha noção de tempo seja diferente das pessoas que nasceram no ano 2000.

Fui conhecer o celular após os 14 anos de idade, isso mesmo, hoje crianças já nascem com tablet na mão, porém na minha época o inicio com celular foi com o Nokia e os famosos jogos de Snake e celular era para falar.

Nesta mesma época comecei a me aventurar no DOS , sigla para Disk Operating System ou  sistema operacional em disco que é um acrônimo para vários sistemas operativos intimamente relacionados que dominaram o mercado para compatíveis IBM PC entre 1981 e 1995, horas fazendo as famosas .bat’s avaliando bit’s por bit’s. 😛

Porém o tempo passa, e quando você faz 30 anos, não dá mais para deixar o tempo para depois e você consegue vê o valor de cada coisa e oque cada uma representa em sua vida.

É impossível trabalhar em um lugar que você odeia, é impossível namorar quem você não ama e é impossível não cuidar bem do seu corpo. Isso se torna indispensável e o seu pensamento já o torna refém de algo muito maior, você se torna mais critico e ao mesmo tempo mais confiante.

Você consegue ter uma visão 360 do ambiente de trabalho e mesmo sabendo que a evolução capitalista traz benefícios e aprendizados, entende que a forma de tratamento e habilidade de gestionar é mais que 90% de um todo do líder, afinal não adianta bater meta e colecionar troféus se não ter o respeito de seus liderados.

Entrando no tema trabalho, como as coisas se encaixam, lembro muito bem de como passava horas no trabalho fazendo coisas que não era do meu escopo e interações fora do circulo de trabalho e o resultado de hoje me fazem ser quem eu sou, por isso com 30 anos, agradeço todo esforço e conhecimento adquirido, pois me fizeram chegar até aqui.

Com 30 anos começamos a fazer a colheita de anos de trabalho na fase dos 20 anos e vemos que o mais importante foi o conhecimento adquirido, pois é com ele que decidimos para qual vento iremos direcionar nossa vela do barco rumo a um destino incerto.

Algumas mudanças são de um dia para noite, seu corpo começa a rejeitar algumas coisas como excesso de cerveja e ficar bêbado e acordado a noite inteira ou até mesmo o café de cada dia. Seu coração começa a questionar por viagens não feitas e como está sua vida agora. Tudo agora faz parte de um decisor mais relevante.

Aos 30, você começa a perceber quem é e o que quer e como pode chegar lá. Aos 30, você está confiante sobre as suas qualidades, mas também conhece seus pontos fracos por isso se atenta a ouvir mais para aprender e os conselhos que ouvia antes hoje já não são mais teorias e começam a ser pratica. Não entra mais em brigas que sabe que não levam a lugar nenhum e leva a risca o ditado, DOU UM BOI PARA NÃO ENTRAR NA BRIGA, MAS DOU UMA BOIADA PARA NÃO SAIR.

Aos 30, você substitui desculpas esfarrapadas por verdades, você fala na cara, pois sabe que falar na cara consegue encurtar mal entendidos e expandir relacionamentos. Aos 30, uma ressaca não é mais uma leve dor de cabeça no domingo de manhã e mesmo que tenha tomado Ciroc no Bistrô, no outro dia você sente o peso da noite.

Quando eu fiz 33 anos, eu resisti a muitas dessas coisas. Eu fiquei ansioso e um pouco desesperado quando meu medico me disse que teria que tomar remédio da pressão a vida toda. Eu fiquei indignado quando meu médico me disse para tomar cerveja somente finais de semana mesmo tendo um cervejeira Consul na minha sala, realmente a vida não é mais a mesma. Claro que ainda tomo uma ou outra taça de vinho, mas minha semana não gira mais em torno de beber. Quando me perguntam se eu quero fazer alguma coisa, eu já imagino uma viagem para algum lugar legal, e não necessariamente beber.

Eu prefiro assistir seriados na TV como Largados e Pelados ou Filmes na Netflix ou fazer um jantar legal com amigos.

Eu achava que gente que acorda cedo vinha de outro planeta, meu pai, por exemplo, sempre pelo que me lembro estava de pé às 5 horas da manha e eu nunca entendi isso, achava louco ele acordar tão cedo sendo que poderia acordar mais tarde. Hoje já acordo bem mais cedo para viver o dia todo, pois seu tempo não para e você entende o motivo das pessoas com mais idade acordar mais cedo inclusive feriados.

Aos 30 você já coloca na balança tudo que viveu até agora e o que conquistou, e não falo de casa , carros e bens materiais mas falo de amigos, de amores e histórias, afinal é isso que me trouxe até aqui.

O mais importante é que os próximos 30 anos podem ser diferente, afinal você já sabe um pouco do caminho e consegue refletir e aprender com tudo que passou.

Entendo que como nasci na década de 80 eu não tive privilégios que os que nascem hoje têm tudo é mais fácil e entendo perfeitamente que isso é um ciclo da vida, afinal eu também nasci em uma época diferente de meus pais e a cada geração a evolução tecnológica avança tão rápido que é impossível prever o que vem depois.

O mais importante quando se tem 30 anos é o fato de poder olhar no espelho e saber que não é melhor que ninguém e ninguém são melhor que você, que as oportunidades que teve são apenas o reflexo de um movimento feito anteriormente e os próximos 30 anos são tão inspiradores, pois você os anda com as próprias pernas.

Como meu pai diz que diferença fará daqui a 100 anos?

Mostrar mais

Weder Costa

Um robô que ama internet e é apaixonado por relacionamento e comunicação! Ama exatas mas tem uma queda por humanas . Um amante do comportamento humano e apaixonado pela tecnologia e tem como maior desejo unir toda tecnologia para ajudar os humanos.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo